Descobrindo Charlotte Mason
Descobrindo Charlotte Mason
Você procura por
  • em Publicações
  • em Grupos
  • em Usuários
VOLTAR

O que já aprendi sobre o Método Charlotte Mason

O que já aprendi sobre o Método Charlotte Mason
Emanuelly Medeiros
abr. 14 - 2 min de leitura
020

Meu nome é Emanuelly, esposa e mãe. Tenho uma filhinha linda de 3 anos. Como mãe de primeira viagem, já errei bastante, mas sempre buscando o melhor para minha filha, e dando o meu melhor.

E nessa busca incessante por ser uma mãe melhor, me deparei com o Método Charlotte Mason através de um vídeo no YouTube. Desde então, não canso de buscar mais e mais sobre o tema. Estou encantada!

Como cristã, vejo um caminho maravilhoso a ser traçado. Mas, enfim, o que aprendi?

Aprendi que a Educação é uma Atmosfera. E esse é o primeiro passo! De nada adiantaria encher as crianças de conteúdos e não cuidar da Atmosfera do Lar, dos relacionamentos, das atitudes. É preciso estar atento aos exemplos que estamos dando aos nossos filhos.

Também precisamos proporcionar um ambiente onde a criança aprenda naturalmente, aproveitando as oportunidades do dia-a-dia, incluindo-as nas atividades de rotina, na medida de suas capacidades e interesses. Precisamos confiar que elas são capazes, e não fazer por elas além daquilo que elas não consigam sozinhas.

Aprendi que a Educação é uma Disciplina. Nesse sentido, precisamos semear bons hábitos e eliminar os maus. Essa não é uma tarefa fácil, requer perseverança de nossa parte, lembrando que devemos zelar por nossa palavra, o "não" sendo "não" e o "sim" sendo "sim". Só desta forma a criança vai entender o que deve e não deve fazer, e estaremos sendo margem na vida deles, desenvolvendo disciplina.

Por fim, aprendi que a Educação é uma Vida. Que as ideias que nutrem as crianças vêm da própria natureza, e, por isso, as crianças devem nela estar inseridas, pois daí vem a principal fonte de aprendizado. Além disso, a leitura em voz alta, desde antes do nascimento, é muito importante. Mas devemos buscar apresentar sempre livros vivos, com ideias amáveis, verdadeiras, virtuosas, ilustrados ou não, mas se ilustrados, com belas imagens. E dentre estes livros vivos, não podemos deixar de lado a Bíblia Sagrada, a Palavra de Deus, fonte de toda sabedoria.

Assim, estaremos cumprindo o que disse Jesus, em Marcos 10:14: "Deixei vir os meninos a mim, e não os impeçais, porque dos tais é o reino de Deus".


Denunciar publicação
    020

    Indicados para você