Descobrindo Charlotte Mason
Descobrindo Charlotte Mason
Você procura por
  • em Publicações
  • em Grupos
  • em Usuários
loading
Recursos EscolaresVOLTAR

# 49 - Lições de Estudo do Artista e Compositor na prática - PARTE 1

# 49 - Lições de Estudo do Artista e Compositor na prática - PARTE 1
Mariana Mastracchio
mar. 30 - 3 min de leitura
000

As aulas de estudo do artista e compositor são um território desconhecido para você? Você se sente temerosa de enfrentar esse território desconhecido? 
Neste episódio conversamos sobre porque a inclusão de arte e música no currículo é essencial e como colocar em prática estes estudos deleitosos no seu currículo! Neste episódio focamos no estudo do compositor.

Você já pensou sobre como nossa formação cultural e educacional nos prejudicou ao favorecer disciplinas como matemática e português em detrimento das "belas artes”? 

Quer saber a opinião de Mason sobre isso e, ainda, como o estudo do compositor é implementado no banquete de ideias? Aperte o play e venha descobrir conosco! 

 

Recursos, links, livros, e citações mencionados neste episódio:

Documentários da Brasil Paralelo: A Primeira Arte e O Fim da Beleza

Biografias de compositores da Opal Wheeler

#46 - Como e por que ensinar história no método de Charlotte Mason?  Uma introdução à Lição de História

#47 - Lição de História na prática, como organizar os períodos históricos do seu homeschool?

Rotação para estudo do artista e compositor do site americano AmblesideOnline

PDF criado pela Mari com dicas para o estudo de Beethoven 

Aulas de canto de canais do YouTube americanos: The Singing School e Children of the Open Air

 


Pois embora nem toda criança possa ser um grande músico, todos podem ser ensinados uma apreciação inteligente das belezas da música, e é uma vergonha perversa fechar as portas da música, e portanto dos infinitos canais de deleite e inspiração, no rosto de uma criança, porque dizemos que ela "não tem ouvido", quando talvez seu ouvido nunca tenha sido treinado, ou porque ele nunca será capaz de " tocar". (Artigo da Parents' Review da Srta. Pennethorne)

 

A Audição nos diz muitas coisas interessantes, mas a grande e perfeita alegria que devemos a ela é a Música. Muitos grandes homens colocaram seus lindos pensamentos, não em livros, quadros ou edifícios, mas em partituras, para serem cantados com a voz ou tocados em instrumentos, e tão completas são essas composições musicais das mentes de seus criadores, que as pessoas que gostam de música sempre podem dizer quem compôs a música que ouvem, mesmo que nunca tenham ouvido a obra antes. Assim, de certa maneira, o compositor fala com eles, e eles ficam perfeitamente felizes em ouvir o quê ele tem a dizer. Às vezes, crianças pequenas conseguem apreender bastante dessa habilidade; de fato, eu conhecia um garoto de três anos que sabia quando sua mãe estava tocando ‘Wagner,’ por exemplo. Ela tocou muito para ele, e ele ouviu. Algumas pessoas têm mais competência dessa maneira do que outras, mas todos nós podemos ter muito mais do que possuímos se escutarmos. (Nossos Corpos, Nossas Almas. Volume 4 da série Educação no Lar.)

 

O treinamento artístico das crianças deve proceder em duas linhas. A criança de seis anos deve começar tanto a se expressar quanto a apreciar, e sua apreciação deve ser bem anterior ao seu poder de expressar o que vê ou imagina. (Educação no Lar, Volume 1 da série Educação no Lar)

 

 

Participe do grupo Recursos Escolares e receba novidades todas as semanas.


Denunciar publicação
    000

    Indicados para você